quinta-feira, 16 de junho de 2011

A VIDA REAL E A VIDA DESEJADA

Novamente estarei indo a Brasília com minhas colegas e amigas (que vão na quinta-feira a tarde) para representar meus colegas de trabalho (professores federais no CM). Eu amo sempre quando sou solicitado para fazer algo pelo grupo ou pela comunidade; foi assim quando em 2003 eu pertenci a diretoria da APROFCMPA, o fiz pelo amor e pelo desejo de ver sempre felizes todos os que estão ao meu redor, e por considerar que o trabalho não deve ser um fardo e sim um grande prazer para quem executa. Por entender que o governo não esta olhando como deveria para o professor aquele que forma novas gerações. Aquele que dá forma aos valores mais caros da sociedade e da humanidade em geral como ser solidário, tolerante com as difereças, não discriminar, amar as pessoas com as quais dividimos esse mundo e o tempo, cooperar por uma causa elevada, amor a vida e a paz, entre tantos outros valores que tentamos preservar na alma dos nossos alunos. A arte esta ai na caminhada, no processo de cada dia chegar em casa e ver que apesar de termos dado apenas um passo estamos a caminho. No bom caminho, no caminho que leva a realização como pessoa, como grupo e como nação.