quarta-feira, 7 de setembro de 2011

THE FATE OF IMAGES









 O DESTINO DAS IMAGENS

o destino das imagens é perderem no que é
perderem-se no que já foi 
e no que poderia ser
seu destino esta escrito com luz sobre uma superfície plana 
é a morte do que foi anteriormente
elas morrem para viver na lembrança 
transformadas
alquimicamente em sais de prata
sais de ferro,
em fótons num CCD...
a imagem morre para ressurgir 
como outra coisa que não é o referente 
nem o referido mas agora se abrem para outra dimensão...
elas morrem a vida da luz...
elas morrem e são sepultadas em duas dimenções...
desprendem-se do mundo para morar no mundo dos objetos da memóoria 
para transformar-se em um objeto de arte...
 







Nenhum comentário: